Policias da 3ª CIA Faz Brilhante Serviço em Miracema!!!

OPERAÇÃO 'CAFÉ DA MANHÃ' DA POLÍCIA MILITAR PRENDE TRAFICANTES EM MIRACEMA:


Uma Operação Policial da 3ªCia do 36ºBPM, deflagrada nesta sexta-feira (06), com o apoio de várias viaturas subordinadas dos setores, terminou com várias prisões de pessoas ligadas ao tráfico de drogas no município.
Após prenderem Otávio Ferreira Neto, o "Coutinho", de 32 anos, um dos líderes do tráfico da facção criminosa Comando Vermelho (CV), que age na Comunidade do Alto do Cruzeiro, equipes policiais munidas de um Mandado de Busca e de Apreensão, expedido pela Juíza de Direito Cristina Sodré Chaves, se dirigiram por volta das 08h00 até a residência de número 1.102, na Avenida Carvalho, no Bairro Santa Teresa em Miracema, onde surpreenderam dois homens, um menor de idade e uma mulher.
Identificados como Paulo José Alexandre da Silva, o "P.L.", de 24 anos; Luiz Carlos da Silva, o "Zoca" de 43 anos; o menor H.F.D. de 16 anos e a mulher L.F.A. de 24 anos, ainda encontravam-se dormindo no momento da ação dos PMs.
Os agentes localizaram no bolso da bermuda de Paulo José, cerca de 17 sacolés de cocaína e a quantia de R$ 76,00 (Setenta e Seis Reais) em notas de diferentes valores, configurando materialidades de tráfico.
Durante as buscas no imóvel, os policiais encontraram 05 sacolés de cocaína escondidos sob o colchão, materiais para possível endolação de entorpecentes, morteiros (foguetes), 450 mídias de CD e de DVD pirateadas e 09 aparelhos celulares em diferentes cômodos.
As drogas apreendidas somaram o equivalente a 26 gramas de cloridrato de cocaína de acordo com a análise realizada pela Polícia Técnica da Polícia Civil (Poltec).
Os acusados foram conduzidos à 137ªDP-Miracema, onde após apreciação do fato pelo Delegado de Polícia Dr. Rômulo Prado de Mesquita, orientou os Inspetores para que autuasse em flagrante delito "P.L" e "Zoca", com base no Art. 33 da Lei 11.343/06 (Tráfico de Entorpecentes) e Art. 184-I do Código Penal (Violação de Direitos Autorais), aguardando na Distrital na condição de presos a transferência para a Casa de Custódia de Itaperuna.
Após prestarem depoimentos e arrolados como testemunhas, o menor H.D.F e a mulher L.F.A. foram liberados pela autoridade policial competente.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

RJ deve quitar pagamento do salário de novembro apenas em janeiro

Joaquim Barbosa acusa Lewandowski de “fazer chicana”